Impressão 3D no desenvolvimento de carros? Fique por dentro!

A impressão 3D, também conhecida como prototipagem rápida, é uma técnica de fabricação super moderna que utiliza a tecnologia de concepção de sólidos tridimensionais. Em outras palavras, por meio da formação de camadas sucessivas de material, essa tecnologia consegue criar qualquer forma com bastante precisão. A impressão 3D tem sido aplicada em diversas áreas, inclusive no desenvolvimento de carros.

A agilidade desse processo está mudando a maneira como os engenheiros elaboram novos veículos. A impressão de protótipos se tornou muito mais rápida e flexível em comparação aos processos convencionais. Confira no post de hoje como tem sido utilizada a impressão 3D no desenvolvimento de carros.

Pioneirismo

A Ford é a montadora pioneira no uso da prototipagem, e vem utilizando, cada vez mais, essa tecnologia em novos veículos. O investimento na impressão 3D no desenvolvimento de carros fez com que a montadora americana conseguisse reduzir significativamente o tempo de criação e execução de diversos projetos. Veja melhor como a prototipagem acelera o desenvolvimento de novos produtos.

No desenvolvimento do novo Ford GT, por exemplo, foram utilizadas impressoras a laser para produção de diversas partes do veículo. O volante do esportivo, que é inspirado nos utilizados em carros de Fórmula 1, foi um componente desenvolvido por meio dessa técnica.

Impressão 3D no desenvolvimento de carros

A empresa também oferece aos fãs de automobilismo a possibilidade de fazer download de alguns modelos para imprimir as miniaturas em casa. A Ford disponibiliza diversos modelos como Mustang, F-150 Raptor, vários modelos de Focus, Ford GT entre outros, atendendo aos mais diversos públicos.

Maior velocidade e menor custo

Projetos que antes poderiam levar cerca de 5 meses para serem desenvolvidos e custar milhões de dólares para as montadoras, com a utilização de impressoras 3D podem ser produzidos em poucos dias e custando alguns milhares de dólares. A produção de protótipos através dessa tecnologia não necessita do uso de ferramentas e mão de obra especializada como nos métodos tradicionais. Desta maneira, a impressão 3D reduz significativamente o tempo de desenvolvimento dos projetos, conseguindo-se criar protótipos em poucas horas e com baixo custo.

Impressão 3D no desenvolvimento de carros

As máquinas de impressão 3D funcionando 24 horas por dia se tornaram grandes aliadas dos engenheiros para projetar peças nunca antes imaginadas e em velocidades impressionantes.

Leia mais sobre a utilização de impressoras 3D por engenheiros e designers.

Construindo um protótipo funcional

Com peças impressas em 3D, aliadas de componentes externos, a Wishbox adaptou um projeto de motor Zetec da Ford, encontrado no site Thingiverse, e o tornou em um modelo funcional operado por motor elétrico. O resultado pode ser conferido abaixo:

Impressão 3D no desenvolvimento de carros

As aplicações em impressão 3D são de grande importância para a obtenção de protótipos de qualidade com custo e tempo de produção reduzidos, tornando assim a prototipagem rápida a forma mais custo-consciente de desenvolver projetos. O motor em questão se enquadra em protótipo funcional, uma vez que consegue desempenhar o intuito do design original. O modelo Zetec, em específico da Ford, marca a história como um nome muito reconhecido em motores de quatro cilindros – o nome inclusive foi trazido para outros modelos, sendo um deles o Zetec R V8, que na formula 1 foi o motor que trouxe a primeiro título mundial de Michael Schumacher.

O que esperar no futuro

Observando os impactos que a tecnologia de impressão 3D no desenvolvimento de carros já trouxe para o presente, pode-se projetar a expansão do seu campo de atuação. Para além da prototipagem em pequenas peças, o próximo passo são outros componentes como peças para carros antigos, feitos de plástico ou resina, assim como para carros de luxo, cuja série de produção é pequena ou limitada.

Em termos de futuro, esse processo fará com que as montadoras não necessitem manter estoques dessas peças – elas poderão manter somente um acervo de arquivo digital para imprimir a demanda e a escala necessária. Dessa forma, será possível realizar a montagem rápida desses componentes quando necessário e a liberação do veículo pronto será muito mais eficiente.

Impressão 3D no desenvolvimento de carros

À medida que essa tecnologia se aperfeiçoa, garagens e oficinas poderão ter impressoras 3D e desta forma criar suas peças de reposição e realizar os reparos com maior facilidade e em menor tempo.

No futuro, as aplicações da impressão 3D podem ser as mais diversas. Nos dias atuais, a Ford já disponibilizou, nos Estados Unidos, impressoras 3D para se realizarem projetos fora da indústria automotiva, criando réplicas de esqueletos de dinossauros, mamutes e carros em miniatura.

Agora nos diga, você já sabia como era utilizada a impressão 3D no desenvolvimento de carros? Comente e compartilhe sua opinião!

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados