6 dicas para sua indústria sobreviver à crise econômica

Durante períodos de crise econômica, instabilidade política e/ou comercial, as empresas devem desenvolver estratégias bem elaboradas para se manterem firmes e assegurar seu espaço no mercado.

Devido a atual pandemia do COVID-19, vários economistas esperam uma recessão econômica – enquanto muitos empresários afirmam que já está acontecendo e prejudicando gravemente seus negócios.

Essa fase será difícil para os brasileiros, e o impacto no setor industrial pode ser particularmente devastador caso novas estratégias não forem adotadas.

Tempos difíceis exigem atitudes inovadoras.

Sendo assim, as indústrias precisarão buscar maneiras não só de reduzir custos, mas de melhorar seus processos, operações e modelo de negócios.

Neste artigo, vamos apresentar insights, ferramentas e dicas valiosas para ajudar sua indústria a superar a próxima crise econômica (e até lucrar). Confira:

1- Encontre novos nichos

O comportamento do mercado consumidor em tempos de crise pode mudar drasticamente.

Estar atento às tendências e procurar novos segmentos-alvo durante uma recessão pode te levar à grandes oportunidades de negócios.

Enquanto uns choram, outros vendem lenços.

Parafraseando o publicitário Nizan Guanaes, “enquanto eles choram, eu vendo lenços” , tem a ver com enxergar possibilidades em momentos difíceis!

Os problemas já existem, o que precisamos é de soluções!

Encontrar uma maneira de atender àqueles que estão sofrendo, seja com preços mais baixos ou com novas soluções, pode alavancar o desempenho da sua empresa.

Pense em projetos que provavelmente serão relevantes para os consumidores durante a recessão, e ajuste sua oferta de valor para essa situação.

Não pergunte a si mesmo qual é o valor da sua oferta, mas qual será o valor para os seus clientes em tempos econômicos ruins.

De fato, pode ser ainda mais importante deixar o valor percebido pelo cliente definir O QUE você oferece, COMO e QUANDO.

Se os clientes devem priorizar de maneira diferente nesse momento, você também deve!

2- Fique atento às taxas de juros

É quase contra-intuitivo; você pensaria que se o mercado despencar os bancos terão receio de dar dinheiro barato a credores, não é mesmo?

Mas não é isso o que acontece!

Lembre-se, os mercados são ditados pela simples lei da oferta e demanda.

Os bancos precisam emprestar dinheiro para você para ganhar dinheiro com isso.

Então, quando a economia está em baixa, o oposto tende a acontecer; e consequentemente as taxas e juros caem.

Uma crise econômica gera pessimismo, por isso é natural segurar e apertar o cinto, mas é isso que todo mundo está fazendo.

Isso significa que a concorrência é muito menor e que os preços dos ativos caem!

Portanto, verifique se há dinheiro suficiente em caixa (ou a crédito barato) para tirar proveito do mercado potencial que uma recessão traz.

*Ah! Além disso, com o aumento do desemprego, também será mais fácil contratar trabalhadores qualificados (e com desconto).

Pense nisso como uma oportunidade de expansão!

3- Acelere a Transformação Digital da sua empresa

A transformação digital das empresas não é mais uma questão de “e se acontecer”, mas sim uma questão de “quando vai acontecer”.

E frente à atual crise do COVID-19, muitas organizações já identificaram a necessidade de acelerar sua transformação.

dicas para superar a crise economica
Meme de pergunta com múltipla escolha ilustra muito bem a realidade de muitas empresas, sendo o COVID-19 o principal responsável pela Transformação Digital

A chamada transformação digital, tem como base a tecnologia em prol do ser humano, suas preferências e suas novas necessidades.

O exemplo mais expressivo é a utilização generalizada de smartphones.

Esses pequenos computadores de uso fácil e intuitivo foram adotados por pessoas de todas as idade e classes sociais.

Somado à democratização da internet (banda larga; 3G; 4G), hoje qualquer pessoa tem acesso à informação do mundo na palma da mão.

Por isso, muito além dos aspectos de nossa vida pessoal, a tecnologia está influenciando drasticamente os setores empresariais, e ter a comunicação da sua empresa voltada ao universo digital é o primeiro passo da dessa revolução.

São utilizados conceitos de Tecnologia da Informação, metodologias ágeis e indústria 4.0, que visam a adoção de processos automatizados entre diferentes setores para uma produção mais rápida, segura e produtos e serviços mais conectados com as necessidades do cliente.

Isso abrange a complexidade de repensar os processos, os modelos de negócio e a experiência do cliente por meio de uma completa imersão na tecnologia digital.

Você pode refletir sobre algumas diretrizes para incorporar a transformação digital no seu negócio:

  • Repense os processos atuais da empresa em torno de ferramentas digitais.
  • Incorpore meios para digitalizar / automatizar seu produto / serviço.
  • Promova o desempenho comercial da marca através de conteúdo online.
  • Use o meio digital para explorar novos mercados e modelos de negócio.

O mindset digital da empresa deve vir em 1º lugar.

A organização precisa apoiar e investir esforços na cultura digital com todos os colaboradores para que ela de fato aconteça.

4- Use metodologias Lean (agora!)

Lean Manufacturing, ou Manufatura Enxuta, pode ser definido com um sistema de produção enxuta, que procura entregar um melhor desempenho em todos os processos fabris e administrativos de uma empresa.

Algumas das metodologias mais conhecidas, derivadas da filosofia e sistema de gestão empresarial Lean, são o Just-in-time; Jidoka (Poka-Yoke) e Kaizen, que permitem melhor gerenciamento da supply chain, e menos desperdício.

Tenho certeza que você já conhece algumas dessas ferramentas.

Porém, boa parte das empresas parece esquecer de fazer funcionar esses conceitos, e levá-los realmente à sério.

Fazer mudanças na gestão da empresa para torná-la melhor, com maior produtividade não deveria ser surpresa ou novidade.

Mas frente à uma crise econômica, as indústrias precisam percebe que isso não é mais uma opção, algo a mais que se pode fazer eventualmente, é algo que precisa ser botado em prática agora.

Se você quiser aprender mais sobre as metodologias Lean, recomendo ler esse artigo.

Por último, antes de aplicar alguma dessas ferramentas na sua empresa, fábrica e até instituição de ensino, não se baseio só em conteúdos em blogs corporativos.

Apesar de ser um conteúdo mais prático, artigos científicos (do Google Acadêmico, por exemplo) são de extrema importância para você aplicar com êxito uma metodologia Lean.

5- Escolha flexibilidade sobre custo unitário

Parece instintivo focar na redução de custos de produtos durante uma crise econômica, mas isso pode não ser o mais certo a se fazer.

Quer saber o motivo?

Os custos de produção (unitários) podem ser reduzidos ao se realizar grandes investimentos em bens de capital.

Novas máquinas para automatização da linha de produção, capazes de entregar maior volume, beneficiam sua indústria da economia de escala, resultando em um menor custo unitário, certo?

Entretanto, para que esse investimento faça sentido, você precisará de um grande volume de vendas para cobrir o custo do capital imobilizado.

Acontece que isso pode acabar sendo uma jogada desastrosa, se o volume de clientes for menor durante a crise.

Por outro lado, pense em investir em tecnologias mais baratas e que te permitam a flexibilidade da produção de pequenos lotes de produtos customizados.

Assim você pode atender a nichos de mercado, o que pode ser uma grande sacada estratégica.

dicas para superar a crise economica tecnologia 4 0
Produção de lotes personalizados feita com impressora 3D

A as tecnologias de fabricação digital, como as impressoras 3D, por exemplo, oferecem grande flexibilidade de produção, permitindo que sua empresa teste um novo produto no mercado, sem grandes riscos envolvidos.

A flexibilidade de produção durante uma crise, onde o comportamento do mercado e dos clientes é imprevisível, pode ser o melhor a fazer, ainda que o custo unitário de produção seja mais alto.

6 – Lançar ou não lançar um novo produto durante a crise econômica?

Lançamento de novos produtos são particularmente importantes em certos mercados, e esse pode ser o seu caso também.

Ao mesmo tempo, o desenvolvimento de um novo produto pode ser caro e difícil de gerenciar.

Aí surge a dúvida: Lançar ou não lançar um novo produto durante a crise econômica?

Um estudo realizado pelo MSI Institute, analisou evidências de mais 60 anos da indústria automobilística dos Estados Unidos, permitindo uma análise rigorosa e precisa do vínculo entre lançamentos de novos produtos e retrações por crises econômicas.

As análises indicam que as chances de sobrevivência de um novo produto são substancialmente menores quando lançadas em uma recessão econômica grave.

Por isso, esteja atento à fatores como inflação e as taxa de falências crescentes,

Por outro lado, novos produtos lançados imediatamente após uma recessão se saem melhor do que os lançados mais tarde.

A atividade competitiva reduzida durante uma crise também oferecerá oportunidades para lançamentos de produtos mais impactantes.

As empresas que intensificam suas atividades de Pesquisa & Desenvolvimento, preparam um novo pipeline de produtos e atualizam seu mix de produtos antes do início de uma recuperação econômica, podem desfrutar da vantagem do pioneirismo.

Atacar é a melhor defesa!

Usar a impressão 3D no desenvolvimento de novos produtos, à um baixo custo, pode ser uma grande oportunidade nesse momento!

Conclusão

As incertezas e os riscos aumentam muito durante uma crise econômica, mas também podem significar oportunidades de mercado para empresas dispostas a tomar decisões corajosas e medidas ousadas.

Os empresários que vêem os sinais de uma crise e tomam o tempo necessário para deixar seus negócios prontos para a recessão não só têm uma chance maior de sobrevivência, mas também podem aproveitar as oportunidades que isso traz e, talvez, sair ainda mais fortes.

Nesse sentido algumas empresas avançam em direção à metodologias ágeis e a Indústria 4.0, onde a incorporação de tecnologias para transformação digital e fabricação digital, como a impressão 3D, podem ser uma arma secreta!

Quer receber mais conteúdos sobre a aplicação da tecnologia no seu negócio? Assine nossa newsletter!

Inscreva-se na nossa Newsletter

Compartilhe!

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados