[Tendências de mercado] Impressora 3D: O que esperar em 2020?

Atualizado em: 3 de fevereiro de 2020 às 14:08

Mais um ano entrou para a conta com os nossos leitores do WishBlog, e que ano incrível foi esse para a impressão 3D! Confira agora as tendências de mercado para 2020:

O começo de um novo ano é uma boa época para se pensar no futuro! Por isso, na matéria desta semana iremos cobrir algumas da principais tendências de mercado da impressão 3D.

O mercado global de impressão em 3D deve crescer para US$ 17,2 bilhões até o final de 2020, com uma taxa de crescimento anual composta de 25%.

tendências de mercado impressora 3D o que esperar em 2020 crescimento impressao 3d
Gráfico da taxa de crescimento do mercado da impressão 3D (Fonte: Wholers Report)

Graças à benefícios como personalização em massa, redução de desperdícios e maior velocidade ao mercado (time-to-market), a cada dia a manufatura aditiva atinge novos setores e mais entusiastas da tecnologia.

A manufatura aditiva está passando de uma tecnologia somente de prototipagem para muito provavelmente uma tecnologia de personalização em massa.

A tendência da impressão 3D para produção industrial está ganhando força, com diversas empresas usando a impressão 3D para produção de ítens para uso final.

Por último, mas não menos importante, o desenvolvimento de novos materiais continua a ser uma grande tendência, pois permitem aplicações que não podiam ser alcançados antes.

Confira nossa seleção abaixo para acompanhar as inovações!

Impressão 3D de concreto

Já faz algum tempo que vemos a manufatura aditiva na área da construção civil indo além de maquetes impressas em 3D.

Desde meados de 2014 já acompanhamos alguns esforços no desenvolvimento de impressoras 3D de concreto, embora nada ou quase nada tenha chegado ao mercado final.

Com o aumento dos holofotes direcionados à infraestrutura impressa em 3D, o concreto impresso em 3D está, sem dúvida, desempenhando um papel enorme nessa revolução, e deve ser um dos destaques em 2020.

De acordo com um relatório de construção da Visiongain, dados de 2019 mostram que o mercado de impressão em concreto 3D vale atualmente US$ 27,8 milhões.

Além disso, outras pesquisas sugerem que esse número deve subir para 56,4 milhões de dólares até 2021.

Impressoras 3D de metal

As tecnologias de impressão 3D de metal também mostram que estão evoluindo, se tornando mais eficientes e com maior oferta no mercado.

Assim como as impressão 3D de polímeros já foi dominada por poucos players, a impressão 3D de metal começa a ser disponibilizada por mais fabricantes no mercado.

Com uma maior oferta, naturalmente surgem melhores preços (mesmo que ainda sejam altos demais para a maioria das empresas), a tendência é que a tecnologia comece a se tornar mais acessível.

Algumas empresas nesse ramo, como a Desktop Metal já estão trabalhando para trazer a impressão de metal para o desktop, tornando a tecnologia mais compacta e acessível.

tendências de mercado impressora 3D o que esperar em 2020 impressora 3d metal desktop
Peça impressa por uma impressora 3D de metal desktop (Fonte: Desktop Metal)

Polímeros compósitos

À parte dos metais e do concreto, vemos que polímeros também continuam a ganhar destaque como forte tendência no universo da manufatura aditiva.

Já temos termoplásticos, resinas e filamentos de alta performance, como o Polipropileno, carga de fibra de carbono e fibra de vidro, PETG e materiais anti-estática, que estão ficando mais populares e prometem alavancar em 2020!

Prova disso é que este ano a Ultimaker Material Alliance foi destaque na feira “Formnext 2019” – a principal feira para a indústria de plásticos e borracha – onde as principais empresas de materiais do mundo apresentaram materiais desenvolvidos para manufatura aditiva em impressoras 3D desktop

Tendências de Mercado: Ferramentas e peças de reposição

Empresas como Heineken e Thyssenkrupp Elevadores já utilizam impressoras 3D para fabricação de peças de reposição para linha de produção, aqui no Brasil, evitando os altos custos de importação.

Para você ter idéia, a Heineken conseguiu atingir uma redução de custos em 70 a 90% e também uma redução no tempo de entrega de 70 a 90% graças a utilização de impressoras 3D.

Com a tecnologia de impressão 3D hoje muito mais acessível, empresas de médio e pequeno também podem se beneficiar dessas aplicações.

Confira o vídeo e veja como essa aplicação promete ser eficiente:

Em resumo

Existe um interesse crescente e inegável no potencial da impressão 3D e essa curiosidade serve apenas para impulsionar ainda mais a inovação do setor.

Em 2020, as tecnologias de fabricação aditiva continuarão a crescer e se adaptar, enquanto a demanda de engenheiros e consumidores aumenta.

Se você curtiu esse conteúdo, pode ver ainda mais vídeos de impressão 3D em nosso canal no Youtube.

Alguma tendência que perdemos? Deixe suas previsões abaixo!

Compartilhe!

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados